Público Alvo: O que é e Como Definir o Seu

Um público-alvo é um grupo de pessoas identificadas como possíveis clientes de uma empresa. Os públicos-alvo compartilham características demográficas semelhantes, incluindo, mas não se limitando a:

  • Gênero
  • Idade
  • Localização
  • Poder de compra
  • Profissão
  • Renda
  • Estado civil, etc.

O objetivo é atingir um mercado específico para que você possa entregar a mensagem certa no momento certo e ter uma comunicação mais significativa.

Quer você seja um empreendedor que busca expandir seus negócios ou deseje construir uma marca pessoal, você precisa identificar seu público.

É a única maneira de lançar campanhas de marketing altamente focadas e orientadas para os resultados.

Além disso, você pode ter mais de uma buyer persona, público-alvo ou segmento de marketing.

Por exemplo, se uma empresa oferece dois produtos diferentes, pode ser necessário criar dois públicos diferentes.

Seu público-alvo seria um grupo de pessoas que compartilham os mesmos problemas, objetivos e interesses.

Eles precisariam do seu produto ou serviço para resolver um problema, desejo ou necessidade. Em outras palavras, seu público-alvo são pessoas que estarão interessadas ou precisam do que você está oferecendo.

Quando você tenta atingir todos na web, provavelmente acabará recebendo tráfego que não deseja comprar seus produtos ou se inscrever em seus serviços.

São aquelas pessoas que seguem você, mas não fazem nada mais além disso.

Isso acontece com muitas empresas. Elas obtêm tráfego irrelevante e se perguntam por que nenhum de seus visitantes está interessado em seus negócios.

Aqui está uma pergunta rápida para ajudá-lo a entender melhor:

Você prefere atrair 10 visitantes ideais para o site que realmente precisam dos seus produtos / serviços e vão investir no seu negócio ou quer milhares de visitantes que não irão além da visita?

Essas 10 pessoas mais do que provavelmente serão o público-alvo certo e você deve se concentrar nelas ao criar conteúdo para suas campanhas.

Como funcionam os públicos-alvo

A melhor maneira de encontrar seu público-alvo é pensar primeiro nas necessidades específicas que seu produto ou serviço atende.

É importante identificar o ponto de dor e, em seguida, determinar quem tem esses pontos de dor.

Por exemplo, se você pesquisou e concluiu que criar sites é algo difícil para muitas pessoas e começou um negócio que projeta sites, sua próxima etapa seria descobrir quem precisa de um site e que provavelmente teria problemas para criar um.

Nesse cenário, seu público-alvo provavelmente são os proprietários de pequenas empresas.

Quanto mais específico você puder identificar a demografia de seu público-alvo, mais eficaz poderá anunciar para eles.

Neste exemplo, seria melhor se concentrar nos proprietários de pequenos negócios que provavelmente não são tão sólidos tecnicamente.

Em vez de considerar proprietários de pequenas empresas de modo geral como seu público-alvo, você pode optar por se concentrar em proprietários acima de uma idade específica, em um local específico.

Se o seu produto for de natureza muito geral, você não precisará fazer muitas pesquisas de mercado para encontrar seu público-alvo.

Se o público for mais específico, é importante reunir dados sobre seus clientes para que você possa se concentrar.

Uma desvantagem de um público-alvo é que as empresas podem se tornar muito restritas a ele e ignorar ou desconsiderar outros consumidores em potencial.

Mesmo públicos-alvo bem pesquisados podem excluir pessoas que estão interessadas no produto ou serviço, por isso é importante usar públicos-alvo como linhas de base, não como objetivo único.

À medida que suas ofertas de produtos e serviços começam a se expandir, é essencial reavaliar continuamente seu público-alvo.

É igualmente importante entender de  forma clara a perspectiva de seus clientes. O que é incrível ou certo para você pode não ser para seus clientes.

Ao definir os pontos problemáticos, desejos ou necessidades de seus clientes em potencial, coloque-se no lugar deles.

Isso permite que você tome decisões com base em dados em tempo real, em vez de suposições e opiniões.

Use os dados existentes do cliente, seu comportamento potencial e experiências anteriores para descobrir os problemas que seus produtos podem resolver.

Comece com as maiores dificuldades pelas quais seus clientes atuais estão passando.

Além da análise da concorrência, analise os resultados de pesquisas anteriores, converse com sua equipe de vendas ou leia as avaliações para saber mais sobre o que seus clientes atuais pensam sobre sua marca.

Você tem que entender o que seus clientes realmente pensam para obter a atenção deles por meio de conteúdo personalizado.

Além disso, conheça seus produtos ou serviços e como eles contribuem para o público-alvo.

Qual é a diferença entre um público-alvo e um avatar de cliente?

Muitas pessoas confundem avatares de clientes com um público-alvo e costumam usar esses termos de maneira intercambiável. Então, vamos entender a diferença.

Se quisermos apenas saber a principal diferença entre um público-alvo e um avatar de cliente, seria possível dizer que o último é uma forma mais específica, enquanto o primeiro considera o todo.

Um avatar de cliente é uma representação fictícia de uma pessoa que personifica seu cliente ideal ou cliente potencial.

Aqui está um exemplo:

Digamos que uma empresa venda equipamentos esportivos de alto preço. Seu público-alvo são mulheres com idade entre 18 e 50 anos.

Podemos entender que as pessoas se comportam de maneira diferente à medida que envelhecem.

A empresa não pode falar com uma jovem da mesma forma que fala com uma pessoa de 50 anos. A linguagem de marketing não deve ser a mesma.

Isso significa que a empresa não pode usar o mesmo conteúdo para envolver diferentes segmentos de seu público.

Portanto, ela precisa criar um conteúdo diferente para se adequar ao contexto. É aqui que você precisa construir avatares de clientes.

Um dos avatares do cliente pode ter a seguinte aparência:

“Uma mulher de 25 anos, que mora no Rio de Janeiro, é apaixonada por ioga, tem casa própria e condição financeira estável.

Da mesma forma, um avatar de cliente pode ser criado para mulheres mais velhas.

Definindo os avatares, a empresa em questão pode criar conteúdo exclusivo falando diretamente para diferentes clientes, dentro de um mesmo público-alvo.

Embora o produto da empresa seja voltado para todo o seu público, seu conteúdo, como blogs, anúncios, textos na web e recursos visuais, falaria com os avatares dos clientes de forma diferente.

Como definir seu público-alvo

Segmentar anúncios do Facebook para todos os gêneros, idades, interesses, etc., quando seu produto ou serviço é claramente para homens com mais de 45 anos, não faz sentido.

Mas, como você pode encontrar seu público-alvo?

O processo de compra está nas mãos do cliente, e você deve criar experiências direcionadas e personalizadas para as pessoas se você quiser chamar sua atenção em meio a um mar de marcas e anunciantes.

Quando você tem uma compreensão abrangente de seu comprador ideal, pode tomar decisões mais informadas sobre mídia, mensagens e tempo.

7 maneiras de determinar seu público-alvo

Dependendo do que você vende, seu público-alvo pode ser um nicho ou mais amplo. Por exemplo, se você fosse vendedor de calçados, seu público-alvo seria amplo, pois homens, mulheres e crianças usam calçados.

Por outro lado, se você vendesse especificamente tênis de corrida de alto desempenho, então seu público-alvo seria mais específico – atletas de elite com idades entre 20 e 40 anos que expressaram interesse em correr ou correram uma maratona.

De qualquer forma, é importante definir e segmentar seu público-alvo para determinar a mensagem criativa que irá atingi-los e apontar os canais de sua preferência.

Para determinar seu público-alvo, você deve investir tempo analisando os dados que você recebe de engajamento do consumidor, avaliando os compradores atuais e as tendências de compra e otimizando conforme novas informações são reveladas.

As etapas a seguir devem ajudá-lo a atingir seu público-alvo:

  • Analise sua base de clientes e realize entrevistas

Uma das melhores maneiras de determinar quem é seu público-alvo é observar quem já compra seu produto ou serviço.

Quantos anos eles têm, onde moram, quais são os seus interesses? Uma boa maneira de aprender isso é participando de pesquisas sociais ou distribuindo pesquisas de clientes.

  • Realize pesquisas de mercado e identificar tendências da indústria

Observe a pesquisa de mercado do seu setor para determinar onde há lacunas no serviço que seu produto pode preencher.

Observe as tendências de produtos semelhantes para ver onde eles estão concentrando esforços e, em seguida, aprimore ainda mais o valor exclusivo de seus produtos.

  • Analise concorrentes

Você pode aprender muito observando seus concorrentes para ver a quem eles estão vendendo e como fazem isso.

Eles estão usando canais online ou offline? Eles estão se concentrando no tomador de decisões ou no apoiador?

  • Crie personas

Esta é uma ótima maneira de se aprofundar nos segmentos específicos que compõem seu público-alvo.

Isso é especialmente útil se você tiver um produto que agrada a uma ampla faixa de consumidores.

Personas permitem que você determine os dados demográficos gerais, personalidades e necessidades de seus consumidores-alvo.

As personas são criadas com base em dados, pesquisas, compromissos digitais e qualquer outra informação que você possa usar para fornecer uma visão mais completa dos compradores.

Isso pode incluir hobbies favoritos, programas de televisão, publicações, mídias sociais, etc. Recomenda-se que sejam desenvolvidas entre três e cinco personas.

  • Defina quem não é seu público-alvo

Certamente haverá consumidores próximos ao seu público-alvo, mas que não agirão com base nas mensagens.

Tente ser específico ao determinar quem é seu público e quem não é. O seu grupo demográfico é simplesmente feminino ou feminino com idades entre 20 e 40 anos?

Saber disso evitará que você invista em verbas publicitárias a segmentos que não produzirão retornos.

  • Revise continuamente

Conforme você coleta mais dados e interage com os clientes, obtém uma compreensão cada vez mais precisa do seu público-alvo.

Com base nessas informações, você deve otimizar e aprimorar constantemente as personas para obter os melhores resultados.

  • Use o Google Analytics

O Google Analytics oferece dados abrangentes sobre os usuários que visitam seu site.

Essas informações podem ser aproveitadas para determinar os principais insights, como de quais canais seu público-alvo está vindo ou que tipo de conteúdo eles estão mais engajados e se conectando.

Isso permitirá que você tome decisões baseadas em dados reais durante o processo de planejamento de mídia.

Desvantagens do público-alvo

Embora o público-alvo seja uma ótima ferramenta, fique atento e lembre-se de que podem existir oportunidades adicionais no mercado.

Também pode haver casos de uso para produtos que não foram considerados. A combinação de públicos-alvo com ferramentas de análise pode ajudar a identificar algumas dessas oportunidades perdidas para capitalizá-las ainda mais.

Ficou com alguma dúvida ou tem uma sugestão sobre o tema? Entre em contato direto comigo pelo Instagram @rodrigodias.mkt

Sobre Mim

Desde 2015 atuamento no Marketing Digital oferecendo serviços e consultorias para empresas que buscam atrair clientes e vender mais pela internet.

Acompanhe nossos Vídeos

Entre para o GRUPO VIP no Telegram.

Receba conteúdo exclusivo para crescer seu negócio na internet.